Postado dia 27/03/2022 17:30:31
Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”
Produtora executiva de Halo, fala sobre os desafios de produção, critérios de adaptação dos jogos e sobre a interferência da 343 Industries na série
X360XONEXSERIESX
Halo Infinite
Halo Infinite

Lançamento : Quarta-Feira, 08 de Dezembro de 2021
Editora(s):
Xbox Game Studios
Desenvolvedor(es):
343 Industries
Gênero(s) : First-Person Shooter

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

A série de TV Halo já estreou seu primeiro episódio pela Paramount+, a produtora executiva Kiki Wolfkill em entrevista recente sobre o processo de adaptação dos jogos para a TV, fala sobre a demora do lançamento da série, entre outras coisas. Confira a entrevista abaixo:

Você vem trabalhando com a franquia Halo por mais de uma década, com Halo 4, The Master Chief Collection… E pelo últimos anos com transmídia relacionada a Halo. Como adaptar um universo tão ruim, com tantos jogos e livros, de uma forma que agrade fãs de longa data e ao mesmo tempo seja compreendida e apreciada por um novo público?

"Com um universo tão grande, nós temos um monte de histórias para contar. A adaptação dos games para o live-action é empolgante e divertida em termos criativos. 

O maior desafio é como você agrada cada um dos fãs de Halo que existem por aí. 

Isso é literalmente impossível, porque nós temos um público muito diverso. Algumas pessoas gostam disto, outras gostam daquilo… 

Acredito que a nossa abordagem foi: como podemos extrair as coisas que são a essência de Halo? Os pilares de esperança, heroísmo e humanidade, e a imaginação da ficção científica. 

Como ter certeza de que estamos expressando isso? Porque essa é a essência e é o que me faz ligada a Halo emocionalmente. 

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

E nós estamos contando uma história. Por isso, a série acontece por uma perspectiva única. Temos todas as outras histórias de Halo, mas essa é a história da série de TV. 

Nós queremos contar a história de um personagem e, naturalmente, isso é bem diferente de como nós contamos a história em um jogo.

É uma história sobre o Master Chief e mais importante ainda: é uma história sobre John. E sua evolução e sobre como ele cresce como personagem. 

A esperança é de que a série mostre um novo mundo maravilhoso para o novo público. E que eles aprendam quem é o Master Chief e o John. 

E para os fãs antigos, eu espero que eles consigam preservar sua compreensão do que é o Chief e entender o que é esta história aqui, enquanto nos deixam levá-los nessa jornada e contar essa história. 

Esperamos que eles possam abraçar a série pelo que ela é, aproveitando essa trama e esse mundo. E que eles saibam que eles ainda podem voltar ao seu próprio Chief no jogo."

Ouve-se sobre uma adaptação live-action de Halo desde 2005, com um filme que nunca aconteceu, e desde 2013 com o anúncio dessa série. Imagino que surgiram vários problemas de produção desde então, mas o que fez os astros se alinharem fazendo esse projeto sair desta vez?

"De 2013 até agora, a questão foi menos ligada a desafios de produção e mais ligada a encontrar as parcerias criativas certas. 

Nós tivemos muita sorte de conseguir trazer Steven Spielberg e sua produtora Amblin logo no início. 

E desde lá nós tivemos uma maravilhosa parceria para a fundação do projeto, para depois chegarmos ao Showtime… E depois nós gastamos um monte de tempo tentando entender como uma história focada em um personagem poderia ser. 

E assim que entramos em produção… É, foi difícil, porque o que estávamos fazendo era algo imenso. Foi realmente imenso fazer essa série. Aí veio a pandemia da covid. 

O que eu posso dizer sobre esse longo tempo de produção é que nós somos um time forjado pelo fogo agora. Nós saímos dessa experiência nos sentindo como se tivéssemos passado por muita coisa juntos. 

É uma equipe tão dedicada a respeitar Halo e os fãs, e agora que já temos uma 2ª temporada confirmada nós nos sentimos numa posição muito forte por tudo aquilo que passamos juntos na primeira."

Halo teve antes duas minisséries live-action: Forward Unto Dawn e Nightfall. Além do fato de que ambas eram ligadas à linha do tempo dos videogames, e essa nova série não é — está contando sua própria história —, quais são as principais diferenças entre essas produções anteriores e esta de agora?

"Eu acho que as séries anteriores, Forward Unto Dawn e Nightfall, eram um tipo história mais compacta em um espaço mais compacto. 

Com esta, a intenção é apresentar o universo de Halo para todo um novo público e trazer mais do universo para os fãs de Halo. 

Sem contar que são 9 horas de narrativa. Mais uma vez, o foco está na história do personagem. E por isso eu acho que o foco é muito diferente daquilo que nós fizemos antes. 

Além disso, o escopo e escala da produção foi exponencialmente maior. Mas o resumo é que nesta nova série nós quisemos trazer o universo de Halo à vida em vez de apenas um pedaço dele.

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

O quanto de interferência criativa a 343 Industries teve na série de TV? A maior parte das ideias veio dos showrunners ou da desenvolvedora do game?

"A gente trabalhou lado a lado com os showrunners. Para fazer isso, primeiramente nós estivemos com os especialistas do Spielberg e do Showtime e pessoas que sabem como criar experiências de entretenimento incríveis. E trouxemos os games e a franquia para contribuir. Então foi realmente uma parceria. 

A que queríamos era justamente essas vozes criativas, a visão desses criadores parceiros. Então nós trabalhamos muito juntos. A gente fazia um intensivão para eles entenderem a profundidade do universo de Halo e aí eles chegavam com ideias sobre o que queriam fazer. E nós quisemos que eles tivessem essa voz e essa autonomia. 

Não somos nós [da 343i] que estamos fazendo a série, mas estamos sendo parceiros e colaboradores com eles para criar a melhor série possível. Uma união da história deles com todos os elementos de Halo."  

Halo estreou no dia 24 de março na Paramount+ e terá nove episódios que vão ao ar semanalmente. Confira também nossa entrevista com o próprio Master Chief, Pablo Schreiber, que conta mais sobre como foi transpor o protagonistas dos jogos para a TV.

Visualizações: 115


Curta a página da Game Overx no Facebook.


Ultimas Noticias!
Noticias Relacionadas!
Comentários (0)
Precisa estar logado para fazer comentários

| Criar uma conta grátis!


Feito a mão, mais feito com
Um cafezinho para Game Overx
Game Overx 2020 © 2022
Politica de Privacidade | Termos de Uso

Game Overx
Postado dia 27/03/2022 17:30:31
Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”
Produtora executiva de Halo, fala sobre os desafios de produção, critérios de adaptação dos jogos e sobre a interferência da 343 Industries na série
X360XONEXSERIESX

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

A série de TV Halo já estreou seu primeiro episódio pela Paramount+, a produtora executiva Kiki Wolfkill em entrevista recente sobre o processo de adaptação dos jogos para a TV, fala sobre a demora do lançamento da série, entre outras coisas. Confira a entrevista abaixo:

Você vem trabalhando com a franquia Halo por mais de uma década, com Halo 4, The Master Chief Collection… E pelo últimos anos com transmídia relacionada a Halo. Como adaptar um universo tão ruim, com tantos jogos e livros, de uma forma que agrade fãs de longa data e ao mesmo tempo seja compreendida e apreciada por um novo público?

"Com um universo tão grande, nós temos um monte de histórias para contar. A adaptação dos games para o live-action é empolgante e divertida em termos criativos. 

O maior desafio é como você agrada cada um dos fãs de Halo que existem por aí. 

Isso é literalmente impossível, porque nós temos um público muito diverso. Algumas pessoas gostam disto, outras gostam daquilo… 

Acredito que a nossa abordagem foi: como podemos extrair as coisas que são a essência de Halo? Os pilares de esperança, heroísmo e humanidade, e a imaginação da ficção científica. 

Como ter certeza de que estamos expressando isso? Porque essa é a essência e é o que me faz ligada a Halo emocionalmente. 

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

E nós estamos contando uma história. Por isso, a série acontece por uma perspectiva única. Temos todas as outras histórias de Halo, mas essa é a história da série de TV. 

Nós queremos contar a história de um personagem e, naturalmente, isso é bem diferente de como nós contamos a história em um jogo.

É uma história sobre o Master Chief e mais importante ainda: é uma história sobre John. E sua evolução e sobre como ele cresce como personagem. 

A esperança é de que a série mostre um novo mundo maravilhoso para o novo público. E que eles aprendam quem é o Master Chief e o John. 

E para os fãs antigos, eu espero que eles consigam preservar sua compreensão do que é o Chief e entender o que é esta história aqui, enquanto nos deixam levá-los nessa jornada e contar essa história. 

Esperamos que eles possam abraçar a série pelo que ela é, aproveitando essa trama e esse mundo. E que eles saibam que eles ainda podem voltar ao seu próprio Chief no jogo."

Ouve-se sobre uma adaptação live-action de Halo desde 2005, com um filme que nunca aconteceu, e desde 2013 com o anúncio dessa série. Imagino que surgiram vários problemas de produção desde então, mas o que fez os astros se alinharem fazendo esse projeto sair desta vez?

"De 2013 até agora, a questão foi menos ligada a desafios de produção e mais ligada a encontrar as parcerias criativas certas. 

Nós tivemos muita sorte de conseguir trazer Steven Spielberg e sua produtora Amblin logo no início. 

E desde lá nós tivemos uma maravilhosa parceria para a fundação do projeto, para depois chegarmos ao Showtime… E depois nós gastamos um monte de tempo tentando entender como uma história focada em um personagem poderia ser. 

E assim que entramos em produção… É, foi difícil, porque o que estávamos fazendo era algo imenso. Foi realmente imenso fazer essa série. Aí veio a pandemia da covid. 

O que eu posso dizer sobre esse longo tempo de produção é que nós somos um time forjado pelo fogo agora. Nós saímos dessa experiência nos sentindo como se tivéssemos passado por muita coisa juntos. 

É uma equipe tão dedicada a respeitar Halo e os fãs, e agora que já temos uma 2ª temporada confirmada nós nos sentimos numa posição muito forte por tudo aquilo que passamos juntos na primeira."

Halo teve antes duas minisséries live-action: Forward Unto Dawn e Nightfall. Além do fato de que ambas eram ligadas à linha do tempo dos videogames, e essa nova série não é — está contando sua própria história —, quais são as principais diferenças entre essas produções anteriores e esta de agora?

"Eu acho que as séries anteriores, Forward Unto Dawn e Nightfall, eram um tipo história mais compacta em um espaço mais compacto. 

Com esta, a intenção é apresentar o universo de Halo para todo um novo público e trazer mais do universo para os fãs de Halo. 

Sem contar que são 9 horas de narrativa. Mais uma vez, o foco está na história do personagem. E por isso eu acho que o foco é muito diferente daquilo que nós fizemos antes. 

Além disso, o escopo e escala da produção foi exponencialmente maior. Mas o resumo é que nesta nova série nós quisemos trazer o universo de Halo à vida em vez de apenas um pedaço dele.

Produtora de TV de Halo fala sobre o processo de produção da série anunciada em 2013, - “Foi difícil”

O quanto de interferência criativa a 343 Industries teve na série de TV? A maior parte das ideias veio dos showrunners ou da desenvolvedora do game?

"A gente trabalhou lado a lado com os showrunners. Para fazer isso, primeiramente nós estivemos com os especialistas do Spielberg e do Showtime e pessoas que sabem como criar experiências de entretenimento incríveis. E trouxemos os games e a franquia para contribuir. Então foi realmente uma parceria. 

A que queríamos era justamente essas vozes criativas, a visão desses criadores parceiros. Então nós trabalhamos muito juntos. A gente fazia um intensivão para eles entenderem a profundidade do universo de Halo e aí eles chegavam com ideias sobre o que queriam fazer. E nós quisemos que eles tivessem essa voz e essa autonomia. 

Não somos nós [da 343i] que estamos fazendo a série, mas estamos sendo parceiros e colaboradores com eles para criar a melhor série possível. Uma união da história deles com todos os elementos de Halo."  

Halo estreou no dia 24 de março na Paramount+ e terá nove episódios que vão ao ar semanalmente. Confira também nossa entrevista com o próprio Master Chief, Pablo Schreiber, que conta mais sobre como foi transpor o protagonistas dos jogos para a TV.


Visualizações: 115
Siga a página da Game Overx no Twitter.



Noticias relacionadas!
Ultimas noticias!
Noticias relacionadas!
Ultimas noticias!
Comentários (0)
Precisa estar logado para fazer comentários

| Esqueceu a senha?


Feito a mão, mais feito com
Um cafezinho para Game Overx
Game Overx 2020 © 2022
Politica de Privacidade | Termos de Uso
Estrelas imagem animaga formato gif
Ajude-nos a conquistar nossa meta de views diarios!
Nós temos um sonho de atingir 1 mil visitas diarias aqui no site, no momento estamos com uma média de 300 views por dia, ajude-nos a realizar esse sonho, compartilhe o link do nosso site nas Redes Sociais, Grupos, Foruns, Paginas da Steam, YouTube, Discord, Reddit nos chats dos jogos, aonde vc achar melhor.. não se esqueça de voltar no site quando puder e de chamar seus amigos, tmj, um beijo no seu coração!
Compartilhar :
Botao facebook para por no site
Estrelas imagem animaga formato gif
Meta de Usuarios por dia
300 em media hj
1000 Views meta a alcançar.

Copiar link dessa pagina!